Um Doenças Negligenciadas: Doença de Chagas e os aspectos atuais do tratamento

Versões

PDF

Resumo

O Trypanosoma cruzi foi reconhecido como agente etiológico da Doença de Chagas há mais de um século. Contudo, essa afecção ainda é considerada uma doença tropical negligenciada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), sendo um grande problema social e de saúde pública na América Latina, que tem impacto considerável na morbimortalidade, sobretudo, nos países subdesenvolvidos. Atualmente, o tratamento para a DC é insatisfatório em virtude de sua efetividade reduzida e elevada toxicidade, destacando-se a necessidade do desenvolvimento de novas alternativas farmacológicas. Foi realizada revisão da literatura nas bases de dados PubMed Central, SciELO e LILACS, nos idiomas inglês, espanhol e português, nos últimos 5 anos. Foram selecionadas 24 publicações sobre os principais aspectos relacionados ao tratamento da doença de Chagas. Os estudos mostram que a terapia atual consiste basicamente no uso do Benzonidazol - embora seu perfil de segurança e eficácia esteja longe do ideal -, além de manejo específico para o acometimento cardíaco e digestivo da doença. Em um contexto mais atual, tem-se testado novas estratégias terapêuticas antiparasitárias, como o reposicionamento de drogas; a associação de duas ou mais drogas utilizadas concomitantemente ou de forma sequencial; o desenvolvimento de novos fármacos e a terapia celular, tendo sido alcançado resultados promissores em muitos desses estudos. Vários trabalhos ainda estão em andamento para avaliar a eficácia e segurança de novas abordagens terapêuticas, mas, por se tratar de doença negligenciada, ainda existem desafios que dificultam esse progresso, como o alto custo e baixo retorno para as indústrias farmacêuticas.

https://doi.org/10.51909/recis.v2i1.69
PDF
Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Copyright (c) 2021 Revista de Ensino, Ciência e Inovação em Saúde